Matéria > Administração

Assistência Social de Paquetá do Piauí promove lançamento de Edição do Selo Unicef 2017/2020

  • 21/07/2018
  • Marcos
  • 80
PMSP-IMG-d21487c0d4fc9cee6d6.jpg

A Prefeitura de Paquetá do Piauí através da Secretaria Municipal de Assistência Social promoveu nesta sexta-feira, 20 de julho, no Auditório da Unidade Escolar Celso Eulálio, o lançamento de Edição do Selo Unicef 2017/2020. O objetivo do evento foi apresentar a metodologia da edição e analisar a Linha de Base de Impacto Social dos Setores: Educação, Saúde e Assistência Social.

Logo após a composição da mesa, os secretários municipais de Assistência Social (Daniela Nunes), de Educação (José Diomar) e de Finanças (Clécio Monyeiro), fizeram uso da palavra e manifestaram seus apoios no sentido de que o município venha a ser contemplado com o tricampeonato do Selo Unicef.

Em seguida a articuladora do Selo Unicef no município de Paquetá do Piauí, a assistente social Jakeline Borges, proferiu uma palestra onde apresentou para o público presente a metodologia da Edição 2017/2020, e ainda, ao lado da secretária Daniela Nunes, analisou o Relatório de Linha de Base que apresentava os indicadores de impacto social no município.

“Hoje Paquetá reúne a sociedade civil, juntamente com a Comissão Intersetorial, Adolescentes do NUCA, Conselho Tutelar e a Comissão Municipal dos Direitos da Criança e dos Adolescentes, para discutir propostas de melhoria de qualidade de vida de crianças e adolescentes, que é a redução das desigualdades propostas pelo Selo Unicef Edição 2017/2020. Analisamos principalmente os pontos de impacto social de nossa Linha de Base, o que está positivo e negativo, e a nossa proposta maior que é dá continuidade as ações de melhorias de vida das crianças e adolescentes de Paquetá do Piauí”, disse a articuladora do Selo no município.

Já a secretária municipal de Assistência Social, Daniela Nunes, lembrou que o objetivo de toda equipe é, além de ganhar pela terceira vez o reconhecimento, melhorar a qualidade de vida das crianças e adolescentes. “Será um trabalho árduo, mas tenho certeza que gratificante, pois além de ter o nosso trabalho reconhecido internacionalmente, ainda vamos assegurar a melhoria de vida de nossas crianças e adolescentes”, finalizou.

Facebook
Instagram